TOP MCU – PARTE 2

TOP MCU – PARTE 2

Pois é, Vingadores Guerra Infinita tá chegando por aí, e nada mais justo que REVER TODOS OS FILMES do Universo Cinematográfico da Marvel (carinhosamente chamado MCU) para fazer uma ultra lista – dividida em 6 partes – com a classificação até chegar nos melhores filmes. Não é genial?

Hoje vamos apresentar a segunda parte da classificação dos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel. Quem será que abocanhou esses lugares?

 


15 | THOR: O Mundo Sombrio (2013)

Dirigido por: Alan Taylor
Roteiro de: Christopher Yost, Christopher Markus e Stephen McFeely
Existem controvérsias sobre a ordem de qualidade entre Thor e sua sequência. O Mundo Sombrio pode não ter a direção shakeaspeareana de Kenneth Branagh, mas conta com um roteiro bem mais coerente e instigante. Loki continua roubando a cena, com direito a momentos dramáticos e uma tridimensionalização do personagem mais potente do que em suas prévias aparições. Uma pena que, mais uma vez, a Marvel Studios peque pela falta de um vilão complexo, já que os Elfos Negros são esquecíveis e dissonantes à harmonia do filme. Longe de ser uma bagunça, o filme apenas cai no limbo da mesmice que se arrasta pela franquia de seu personagem título (pelo menos até a chegada do estonteante Thor Ragnarok).

 


14 | O INCRÍVEL HULK (2008)

Dirigido por: Louis Leterrier
Roteiro de: Zak Penn
Um filme esquecido injustamente, com diversos atributos positivos, incluindo a própria escolha de Edward Norton como Bruce Banner, que mesmo sendo posteriormente substituído por Mark Ruffalo, colocou seu estilo Clube da Luta na dualidade entre Banner e Hulk. Por mais que existam peripécias deslocadas, como a transformação do vilão Abominável, a saga de Bruce para tentar tirar o Hulk dentro de si se prova estimulante pelo ritmo entregue às cenas de fuga do personagem perseguido pelo exército. Como segundo filme do Universo Marvel dos cinemas, ele segue várias das regras de ritmos ditadas por Homem de Ferro, e transita com facilidade entre tensão e humor. Apenas no romance que ele tropeça, já que a relação entre Banner e Betty não parece entregar tanta química como pede a narrativa.

 


13 | OS VINGADORES (2012)

Dirigido por: Joss Whedon
Roteiro de: Joss Whedon, Zack Penn
Sim, o filme que une os maiores heróis do universo, aquele aclamado por fazer um encontro de heróis como nunca antes foi visto no cinema, não figura nem no nosso Top 10. Não que o filme seja ruim, já passamos desse ponto da lista, mas fora o carisma de seus personagens e os conflitos internos da equipe, o longa é uma amalgama de conveniências para que sua narrativa por se apressar na união dos heróis. É um belo resumo do que atravessamos na Fase 1 do Universo Marvel, e prova competência na sabatina de seus personagens, colocando (evidentemente) o Homem de Ferro como grande protagonista, ao empurrá-lo para mudanças substanciais em sua trajetória. O incomodo maior mesmo fica para o exército Chitauri, que preenchem a tela de um CGI genérico, despersonalizando o filme que parece ter seu último ato tirado de um episódio ruim de Power Rangers.

Klaus Hastenreiter
Escrito por Klaus Hastenreiter

CEO BITCH na empresa Olho de Vidro Produções, ator, cineasta, crítico e fofo.

Ainda não há comentários.

Ninguém ainda deixou um comentário para esta publicação!

Deixe uma resposta